Resenha: Fangirl - Rainbow Rowell

Título: Fangirl
Autor (a): Rainbow Rowell
Editora: Novo Século
Páginas: 424
Cath é fã da série de livros Simon Snow. Ok. Todo mundo é fã de Simon Snow, mas para Cath, ser fã é sua vida – e ela é realmente boa nisso. Vive lendo e relendo a série; está sempre antenada aos fóruns; escreve uma fanfic de sucesso; e até se veste igual aos personagens na estreia de cada filme.Diferente de sua irmã gêmea, Wren, que ao crescer deixou o fandom de lado, Cath simplesmente não consegue se desapegar. Ela não quer isso. Em sua fanfiction, um verdadeiro refúgio, Cath sempre sabe exatamente o que dizer, e pode escrever um romance muito mais intenso do que qualquer coisa que já experimentouna vida real.Mas agora que as duas estão indo para a faculdade, e Wren diz que não a quer como companheira de quarto, Cath se vê sozinha e completamente fora de sua zona de conforto.Uma nova realidade pode parecer assustadora para uma garota demasiadamente tímida. Mas ela terá de decidir se finalmente está preparada para abrir seu coração para novas pessoas e novas experiências.Será que Cath está pronta para começar a viver sua própria vida? Escrever suas próprias histórias?

Em Fangirl Cath e sua irmã gêmea, Wren, estão indo para a faculdade. Elas sempre fizeram tudo juntos e são inseparáveis, dividindo inclusive seu amor pelo mundo de Simon Snow, para a qual escrevem fanfics. No entanto, para Wren a faculdade significa que ela finalmente poderá ser ela mesma, ir a festas, conhecer novas pessoas e curtir muito. Isso é o oposto da ideia de Cath.

Ela pretende passar a maior parte do tempo em seu quarto, escrevendo sua fanfic de grande sucesso “Vá em frente, Simon” e evitar o máximo de contato humano possível. Mas seus planos são frustrados por sua colega de quarto Reagan, que apesar de não passar muito tempo no aposento é um furação quando está, sem falar na constante presença de Levi, quem Cath presume ser namorado de sua colega de quarto. 

Mas a vida de Cath começa a tomar rumos não esperados e até certo ponto desastrosos. Ela não fala mais com a irmã que era sua melhor amiga, passa a enfrentar dificuldades com algumas aulas e também tem Levi que é tão fofo e incrível com ela. 

Aperte O Play... Native - OneRepublic


Olá, pessoal! Criei vergonha na cara e finalmente vim falar desse CD que está me enlouquecendo a tanto tempo que perdi as contas. Não sou muito lá de me apegar ao CD inteiro de uma banda, geralmente fico fixada em algumas músicas escolhidas a dedo. Porém, não foi o que aconteceu com essa obra prima do OneRepublic: Native

Não sei o que amo mais: Ryan sendo lindo, essa camisa ou Ryan sendo lindo nessa camisa fechada até o último botão

Top 10: As melhores apresentações de Glee

Olá, pessoal! Fazia um tempinho que o Top 10 não aparecia por aqui, mas agora estou de volta e com um tema que espero que todos gostem!

Sim, vocês leram o título  certo, hoje vamos falar das 10 melhores apresentações de Glee, em minha humilde opinião. Você que ainda não fechou aba com um "aff", obrigada por continuar comigo HAHA Todos sabemos que Glee está na categoria de guilty pleasure, afinal a série é um musical, com ambiente high school e com dramas adolescentes. E também tem o fato de que a qualidade decaiu ao longo das temporadas, até agonizar na 5 temporada. Mas com a sexta e finalmente última temporada em andamento, resolvi que nada mais que justo relembrar as performances que mais me marcaram, então venham comigo!



Eu sou toda boba e sensível, vocês já devem ter percebido a essa altura. Glee me faz chorar, me faz chorar tipo MUITO. Mesmo sendo considerada uma série de comédia, os momentos de drama são grandes e eu me identifico muito com diversas situações, anseios, questionamentos e problemas dos personagens. E mesmo que hoje não seja nem um terço do que era na primeira temporada (sdds eternas Finn </3), Glee ainda consegue entreter com seus ótimos covers e perfomances. 

Lançamentos de Janeiro - Editora Intrínseca




Olá pessoal!
Que tal conferir o que a Editora Intrínseca está trazendo nesse mês de janeiro? 
Tem muito livro bom, olha só:


Cinquenta tons de cinza – edição com capa inspirada no pôster do filme, de E L James: O primeiro volume da trilogia que vendeu mais de 100 milhões de exemplares em todo o mundo — 5 milhões apenas no Brasil — ganha nova capa, inspirada no pôster do filme estrelado por Jamie Dornan no papel de Christian Grey e Dakota Johnson como Anastasia Steele. O livro conta o início do apimentado romance entre Christian Grey, um bilionário charmoso e controlador, e a recatada estudante Anastasia Steele.






Sniper Americano, de Chris Kyle, Jim DeFelice e Scott McEwen: Best-seller do The New York Times e um dos livros mais comentados de 2013 na imprensa dos Estados Unidos, Sniper americano é considerado um dos relatos de guerra mais importantes da atualidade. Em uma década de serviço, incluindo diversas incursões ao Iraque e a outras zonas de combate durante a chamada guerra ao terror, Chris Kyle, atirador de elite dos Seals, alcançou o recorde de mais de 150 mortes confirmadas pelo Pentágono. No livro, ele fala da morte brutal dos companheiros, da ação como atirador e da frieza e da precisão que desenvolveu ao longo da carreira, lançando luz não só sobre a realidade dos combatentes como também sobre a dificuldade de readaptação dos que retornam ao lar. Em 2013, Chris Kyle foi assassinado por um veterano de guerra que sofria de transtorno de estresse pós-traumático. A adaptação cinematográfica do livro estreia no Brasil em 22 de janeiro em grande circuito. Com direção de Clint Eastwood e protagonizado por Bradley Cooper, o filme está entre os favoritos na corrida ao Oscar 2015.

Resenha: O Oceano no Fim do Caminho - Neil Gaiman

Título: O Oceano no Fim do Caminho
Autor (a): Neil Gaiman
Editora: Intrínseca
Páginas: 208
SKOOB
Foi há quarenta anos, agora ele lembra muito bem. Quando os tempos ficaram difíceis e os pais decidiram que o quarto do alto da escada, que antes era dele, passaria a receber hóspedes. Ele só tinha sete anos.Um dos inquilinos foi o minerador de opala. O homem que certa noite roubou o carro da família e, ali dentro, parado num caminho deserto, cometeu suicídio. O homem cujo ato desesperado despertou forças que jamais deveriam ter sido perturbadas. Forças que não são deste mundo. Um horror primordial, sem controle, que foi libertado e passou a tomar os sonhos e a realidade das pessoas, inclusive os do menino.
Ele sabia que os adultos não conseguiriam — e não deveriam — compreender os eventos que se desdobravam tão perto de casa. Sua família, ingenuamente envolvida e usada na batalha, estava em perigo, e somente o menino era capaz de perceber isso. A responsabilidade inescapável de defender seus entes queridos fez com que ele recorresse à única salvação possível: as três mulheres que moravam no fim do caminho. O lugar onde ele viu seu primeiro oceano.

Olá leitores!
Nada melhor do que começar o ano com um livro que, de tão incrível, te algema até o final da história! 

Este livro contém uma narrativa viciante pelo ponto de vista de um corajoso e inteligente garoto. O autor, Neil Gaiman, disse que se inspirou nele mesmo quando criança para desenvolver o protagonista e por isto, este livro foi considerado o mais pessoal de sua carreira, até o momento. 
"Fui para outro lugar em minha cabeça, para dentro de um livro. Era para onde eu ia sempre que a vida real ficava muito difícil, ou muito inflexível." Pg. 72
Em viagem à Sussex na Inglaterra, para um funeral, um homem comum de meia-idade, revisita a casa em que passou a maior parte de sua infância, bem, o local da casa, pois a mesma já não existe mais. Voltar à este lugar, lhe traz sensações antigas, que o levam até a fazenda Hempstock, aquela no fim do caminho, onde morava sua mais breve e melhor amiga de toda a vida, a corajosa menina de 11 anos, Lettie Hempstock. Ao sentar-se em frente ao lago nos fundos da casa (o oceano de Lettie), as lembranças retornam todas, de forma mansa, porém vívidas.

Se prepare e deixe a imaginação fluir, seja uma criança de novo...

DecorArte: Dicas de Home Office


Hello! Hoje o DecorArte vai ser diferente do habitual. Sempre mostramos trabalhos artísticos maravilhosos e inspiradores. Porém, hoje vamos falar um pouco sobre outra parte da proposta da coluna: decoração. Quem nunca quis ter um Home Office lindão e a sua cara? Já que trabalhar/estudar é indispensável e meio que inevitável, pra que melhor do que fazer isso em um lugar aconchegante e que reflete nossa personalidade?

Um dos meus sonhos (logo depois de uma biblioteca particular) é ter um home office lindão e todo abarrotado de coisas, então dei uma rodada pelo Tumblr, We Heart It e Pinterest e selecionei algumas dicas de home office pra vocês se inspirarem e quem sabe mudar um pouco o local de estudo e deixar mais a sua cara, organizado e funcional!

Resenha: Legend - Marie Lu

Título: Legend
Autor (a): Marie Lu
Série: Trilogia Legend #1
Editora: Rocco
Páginas: 256
SKOOB

Sinopse: Trilogia distópica que vem conquistando os fãs de Jogos Vorazes e Divergente, a série Legend é ambientada na República, instalada numa região outrora conhecida como costa oeste dos Estados Unidos, e conta a história de June, uma garota de 15 anos nascida numa família de elite e que possui impressionantes habilidades militares, e Day, um garoto pobre considerado o criminoso mais procurado do país. Quando o irmão de June é assassinado, os caminhos desses dois jovens de origens distantes se cruzam, dando início a uma trama de forte conteúdo político e repleta de ação, reviravoltas e romance.

O ano é 2130 D.C. e o que nós conhecemos hoje como Costa Oeste dos Estados Unidos se tornou duas grandes nações, que vivem em conflito: a República e as Colônias. Num dos melhores bairros de Los Angeles, na República, vive June, uma garota prodígio de quinze anos que com apenas doze já havia ingressado na melhor universidade da nação. Após a perda dos pais, anos atrás, a única pessoa que lhe resta é seu irmão mais velho, o capitão do serviço militar Metias. Do outro lado da cidade, no decadente setor Lake, anda pelas ruas um garoto de apenas quinze anos chamado Day, que é também o criminoso mais procurado da República. 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...